Mais de 20 anos nas ruas parisienses foram decisivos para que Jean-Marie Roughol conseguisse montar um best seller . Ele escreveu...

💜
2017

Morador de rua faz sucesso após escrever livro sobre os seus dias nos becos de Paris

/
0 Comments
 



Mais de 20 anos nas ruas parisienses foram decisivos para que Jean-Marie Roughol conseguisse montar um best seller. Ele escreveu um livro, vendeu mais de 50 mil exemplares, mas continua desabrigado, pois o lucro das vendas só chega daqui 10 meses.

homeless6
As 176 páginas de “Je tape la manche: Une vie dans la rue” (“Minha vida como pedinte: o dia a dia nas ruas, em tradução literal“, ainda sem título em português) contam como uma infância turbulenta acabou o levando para as ruas. Roughol escreve que foi abandonado por sua mãe e que seu pai era um alcóolatra.

O livro é uma parceria com o escritor e político Jean-Louis Debré. Eles se conheceram quando Debré pediu que Roughol olhasse sua bicicleta por alguns instantes na Champs-Élysées – sendo este um dos contos do livro.

homeless8
Os dois dizem que sofreram preconceito. As pessoas sempre comentavam quando eles se encontravam em um café para que o político pudesse transcrever as palavras no computador. Roughol conta que no começo foi muito difícil colocar as palavras no papel, pois ele pensava muito pouco sobre si mesmo.
homeless1 

homeless2 

homeless4 

Desde o lançamento do livro, os dois já foram convidados para muitas entrevistas, além de estarem na lista dos livros mais vendidos na França. “Em 10 meses eu começarei a receber meus royalties, apesar de que eu gostaria de recebe-los agora”, conta Roughol para a AFP. “Quando eu tiver meu próprio apartamento, eu vou comprar um computador para que assim eu possa continuar escrevendo”.

homeless7 

homeless5
Todas as fotos: Reprodução


Nenhum comentário: