Não sei dizer o que são, Nem dizer o que sinto ante a beleza neles contida, São montanhas, as mais sublimes, O encanto feito...

💜
2017

Teus seios

/
0 Comments
Não sei dizer o que são,
Nem dizer o que sinto ante a beleza neles contida,
São montanhas, as mais sublimes,
O encanto feito de sonho com maciez de algodão,
Sim, teus seios são sonhos, são nuvens, são ilusões;
Sonhos que levas no peito ao coração imenso(s)
De tão imorredouro, e intenso, teu coração neles se confunde.
E se fundem num emaranhado tão inebriantemente rico e singelo,
Que nos ajoelhamos ante tua presença sem saber onde começa o coração e terminam os seios?
Sei-os e não os sei.
Teu coração é acima, e rota de chegada é ponto de partida,
De todo Amor do mundo, do maior Amor do mundo que ultrapassam a própria beleza.
São seios tão belos que, são mais que serem belos, são elos entre o despertar e o anoitecer, são alvorada e crepúsculo, idéias, ideais, monumentos colossais,
Por teus seios países entrariam em guerras e fariam as pazes,
A cimeira da arquitetura humana !
São quereres, são moldes, são momentos mais que eternos, são acontecimentos, são sorte e virtú onipresentes...
Sei-os teus e de ninguém mais...
 
São sinceros, são leais;
Nada resta impassível ante eles, antes deles é como se nada mais houvesse...
É como se tudo fosse depois deles,
Relevos da generosidade,
São relevos da arquitetura de Deus,
Engenharia Divina !!! Divina !!!
Relevos que elevam...
Teus seios são teu coração,
Tua constelação de duas grandes estrelas,
Duas montanhas numa só cordilheira,
Alumiada pela mais linda luz que pode um coração iluminar,
Que da fenda entre eles, de ponta a ponta surge o mais lindo Arco-Íris...
Ponte entre o cume de teus montes...última e única promessa de felicidade !
A lembrança mais secreta,
De teu tesouro, as mais riquezas,
São sem palavras e são manifestas que dizem que teu coração são seios,
Coração altivo,
Inquebrantável, incorruptível, infinito...
Teu coração são asas,
São casas de se morar e se viver, de descansar de desejar, de namorar, de demorar, de merecer...
Teu coração são seios que são asas que voam por onde quer que passes.
E que querem quando ele quer,
E pulsam conjuntamente de tão plenos, de tão certos, são instantes eternos,
São verdades tão brilhantes que nos cegam.
 
São poesias de ouro,
São versos mais diversos,
Curvas perfeitas do universo,
Paralelas que se encontram no infinito,
Que diante de tudo
Teu coração PREVALECE !


Nenhum comentário: