Eu sorri para ela, que respondeu com um olhar desconfiado. Provavelmente deve ter pensado que eu era um lunático, parado ali com minha cam...

💜
2017

SORRISO

/
0 Comments
Eu sorri para ela, que respondeu com um olhar desconfiado. Provavelmente deve ter pensado que eu era um lunático, parado ali com minha camiseta de pijama, sem sapatos e uma torneira presa a uma corrente ao redor do pescoço. Mas aí, quando Don voltou para seu escritório e fechou a porta, eu soltei uma piada e ela riu. Eu quase caí no chão. Foi o sorriso mais travesso e lindo que já vi em minha vida. E acompanhado por uma gargalhada, também. Eu me senti tão bem, ouvindo seu riso. Só queria que ela repetisse esse riso muitas vezes.



Nenhum comentário: