Dizem que a tua alma é de aço, e realmente é, Nem por isso sua singeleza é comprometida. Mas quando queres ser enérgico, agressivo ou mes...

💜
2017

O piano

/
0 Comments
Dizem que a tua alma é de aço, e realmente é, Nem por isso sua singeleza é comprometida. Mas quando queres ser enérgico, agressivo ou mesmo explosivo, Posso sentir o tremor do teu impero a distancia. Teu corpo negro e robusto me faz indagar, Como podes ser tão rude na aparência, E sussurrar melodias tão doces ao ponto do pranto me levar? Sentar-se a seu lado é privilégio para poucos, merece respeito, Só os melhores e mais estudiosos tem esse prazer. Eu poderia ficar horas só a te observar, Mas prefiro extrair de ti o que tens de melhor. Ah! Como é bom poder tocar teu corpo, Sentir tuas vibrações em minhas mãos, Perceber o belíssimo timbre da tua voz massagear meus ouvidos. Oh! Me faz sonhar! Fazei-me viajar, Leva-me a outros mundos através das obras dos mestres, Aqueles mesmos mestres que renderam-se ao teu poder, O poder de encantar e gracejar a todos, Todos que de ouvidos abertos deixaram tua musica penetrar. Homens como Chopin dedicaram suas vidas a você, Mas eu sou apenas um aprendiz, um admirador, O que posso fazer, é juntar-me a ti Para que vós, através da tua magnitude Embeleze minhas humildes inspirações, Transformando-as em belas canções, Para que o meu amor possa ouvir.


Nenhum comentário: