O que diria o jovem Caetano Veloso que, há exatos 50 anos, se perguntava quem lia tanta notícia na canção Alegria, Alegria , diante d...

💜
2017

Coletivo artístico cria jornais vazios para combater o excesso de informação em que vivemos

/
0 Comments


O que diria o jovem Caetano Veloso que, há exatos 50 anos, se perguntava quem lia tanta notícia na canção Alegria, Alegria, diante da enxurrada diária de informações que nos atropela através dos computadores, smartphones, grupos de WhatsApp e afins?

O coletivo Sideline Collective parece, sem querer, responder ao questionamento da canção hoje, através do seu trabalho Nothing In The News (Nada nas notícias, em tradução livre): um trabalho que visa oferecer um respiro no excesso de informações que hoje nos atravessa, criando edições de jornais de todo o mundo, mas em branco.

NNews3 

Os logos, títulos e tipografias icônicas estão nas edições, mas o resto das páginas é completamente vazio. E a defesa do coletivo é justo essa: estar informado é evidentemente importante, mas o que precisamos hoje de fato é do nada. “Sim, vivemos em tempos especialmente sensíveis. Tempos em que a verdade importa de fato, nos quais os jornais possuem um papel mais importante nas democracias modernas do que jamais tiveram”, dizem os criadores do projeto.

 NNews7 

Mas para uma sociedade viciada em notícias, fofocas, status de celebridades, redes sociais, o que está trending, os dez mais, teorias da conspiração, vídeos de gatos e quantidades ridículas de pornografia… para esse precipício cultural, nós oferecemos a única coisa que precisamos mais do que qualquer outra: ‘Nada’”.

Claro que o trabalho também parece sugerir o questionamento que hoje cada vez mais se tem, a respeito da credibilidade daquilo que noticiam os jornais.

NNews6 

O Sideline Collective (algo como Coletivo Paralelo) é formado por um diretor de arte português, uma designer portuguesa, um escritor e cineasta inglês, e um programador holandês, que se juntou para oferecer soluções criativas e artísticas para questões do mundo contemporâneo – e oferecer algo de positivo ao mundo, através desse projeto paralelo na carreira de cada um.

 NNews5 

Os jornais são vendidos através do site do coletivo, como objetos de arte – mas também como lembretes que silenciosamente gritam o quanto precisamos volta e meia parar, respirar, e gastar nosso tempo com outras coisas que não aquilo que essa quantidade absurda de informação que nos rodeia parece nos exigir – coisas como a vida, o mundo, as pessoas, ou mesmo coisa nenhuma.

NNews8 

NNews9 

NNews1 
 NNews4 

NNews2 

Todas as fotos © Sideline Collective


Nenhum comentário: