Culinária é alquimia, é invenção, é sabor mas é também estética. Se a mais nova sobremesa da moda em Nova Iorque é de fato saborosa...

💜
2017

Conheça o bolo Gota de Chuva, feito de água, que se tornou um sucesso nas ruas de Nova York

/
0 Comments
 

Culinária é alquimia, é invenção, é sabor mas é também estética. Se a mais nova sobremesa da moda em Nova Iorque é de fato saborosa, isso só as nossas próprias bocas poderão dizer. Mas que ela é bonita, surpreendente e ousada, isso é indiscutível. Ou você já havia visto ou mesmo ouvido falar em um bolo Gota de Chuva, feito de água, basicamente uma gota de chuva gigante e comestível?

© Foto: Tim Ireland. 
© Foto: Tim Ireland.

Feito da mistura de água (logicamente) com ágar, um substituto vegetariano para a gelatina, e coberto por um xarope de açúcar mascavo chamado Kuromitsu e temperado com uma farinha de soja torrada chamada Kinako, o bolo gota de chuva foi levado para Nova Iorque por Darren Wong, de 36 anos, que faz e vende o doce nas ruas pessoalmente.


Ainda que não seja um cozinheiro profissional, Wong é filho de um confeiteiro, e viveu e amou o mundo da cozinha desde muito pequeno.

© Foto: Tia Chiaramonte © Foto: Tia Chiaramonte

O que faz Wong amar a culinária japonesa é justamente o que salta aos olhos diante de sua sobremesa: os ingredientes simples que resultam em uma apresentação (e, normalmente, em um sabor) espetacular. A sobremesa já é popular no Japão, e possui um sabor, uma densidade e uma textura únicas, e por isso Wang decidiu traze-la para as papilas gustativas ocidentais – para oferecer uma nova experiência em termos de doces e sensações.

GOTA7

Por enquanto, sua empreitada foi no alvo. Wang já vendeu mais de 700 gotas de chuva em uma semana, e só não vendeu mais porque sua capacidade de produção ainda é limitada. Cada gota custa oito dólares, e quase não possui caloria alguma. “Poucas comidas estimulam tantos sentidos ao mesmo tempo”, garante Wang. Seria como um banho de chuva dentro de nossas bocas?





GOTA1
Imagens: divulgação



Nenhum comentário: